terça-feira, 26 de janeiro de 2010

O apocalipse de Malafaia!




Silas Malafaia e Morris Cerullo, falaram outro dia desses pra justificar a unção financeira que o cavaleiro negro do apocalipse trará destruição e que a balança significa as finanças. Faça-me um favor né. Até os mais ardorosos neopentecostais dariam uma cambalhota de desespero com essa afirmação.



Será que não havia nada mais tosco pra dizer do que isso? Gente, João o apóstolo está nesse momento se retorcendo no túmulo com tamanha heresia. O grande caso é que nós nos acostumamos a crer em qualquer coisa que falem do apocalipse, desde falsos avisos como "a 1000 chegarás mas de 2000 não passarás" Até essa última do Mala.


Queridos, cuidado com os falsos ensinos, cuidado com os mercadores da fé que distorcem a Palavra para seus próprios interesses. O apocalipse de João deve ser interpretado segundo a revelação de João e não de qualquer profetinha de 5ª categoria que aparece na TV.


O apocalipse do Ceroulla e do Malacheia é uma piada pra nós, mas pra Deus é uma afronta. Fico com os últimos versos do apocalipse que parece que eles esqueceram de ler ou não levaram a sério. "Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro; E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro." Ap 22.18 e 19.


E no mais, tudo na mais santa paz!



Pra quem não acredita basta clicar nesse link e conferir

11 comentários:

  1. Sempre que posso evito ler sobre o Silas pelo simples fato de que ele me leva ao pecado da ira. Contudo, considerando que ele não deixa de ser merecedor de tais sentimentos e que Deus é testemunha dos fatos, eu creio definitivamente de que Silas é um fiel servidor e pactuador do Diabo. É uma inutilidade considera-lo hipoteticamente como um "cristão caído" a quem devemos certas "considerações". Acabemos com estas manifestações de generosidade com tais pessoas pois é exatamente por aí que eles se justificam!! Silas,Macedo, Waldomiro e tantos outros não escondem o jogo. Infelizes são aqueles que - na ignorância da Palavra ou de suas próprias desgraças -, ainda se deixam levar por suas lábias.
    É muito triste, mas é exatamente assim.

    ResponderExcluir
  2. Acho que essa "sinceridade" deles todos é que mais me enoja.

    ResponderExcluir
  3. Vcs ainda tem algo em comum com o Malafaia são trinitarianos outra heresia pura meu irmão, leiam mais a biblia e si tornem unicistas!

    ResponderExcluir
  4. Estamos defendendo o que? placas,ministérios,Imagino quando realmente as igrejas serão unidas, acho que isso nunca acontecera, não do jeito que as coisas andam; irmãos falando de irmãos, uma tal de inveja santa, “ministérios santos”, e um monte de pessoas sem nenhuma santidade, tornamos-nos até extremista; quando Arão e Mirian ousaram falar de Moisés, questionando se Deus só falava por meio dele, Deus os ouviu, e os repreendeu falando que com Moisés ele falava face a face, porém não é assim com muitos, cada um que pese o que fala. O eu engana muita gente, e muitos tem seguido seus próprios pensamentos, o que penso é que nunca devemos intencionar os outros irmãos a pensar mal do seu próprio irmão, Se é malapouca ou malacheia,ceroula ou cerelo,não interessa,devemos questionarmos com eles,oramos por ele,não se conversa mais como antes,todo mundo que defender o que acha mais certo,o que lhe parece ser certo,uma hora eu ou você,você ou eu,terra podemos falar coisas que não vem de nos,isso pode acontecer,afinal somos falhos, não expor algo tipo “quase” denegrindo profeta de 5º,A união de pensamentos e divergências de doutrinas e de leis, esta nos machadando, esta acabando com o amaras o teu próximo como ele é.

    ResponderExcluir
  5. Ora Lucas, poderíamos estar defendendo a integridade da evangelização que tem comprometido gravemente pessoas ingênuas que desconhecem a Palavra.
    Pessoas que, comprometidas de maneira errônea e maliciosa, vão (depois de descoberto os equívocos) falar que Deus não existe e que crentes como voce são safados. Mas poderíamos também não estar defendendo nada. E daí? Causa-me espanto voce entrar com as táboas dos Dez Mandamentos por aqui e jogar em cima de nossas cabeças. Esse discurso moralista e sistemático é um clichê desbotado de quem quer encerrar logo o papo com uma entrada (e uma rápida) saida "triunfal". Para com isso, mano. Isto aqui é um espaço de reflexões, diálogo e tolerância. Deixe pra voce fazer isto na escolinha dominical da tua igreja quando os garotos estiverem dando trabalho. Outra coisa: que "imbróglio" é esse texto teu? Isso mais parece retórica de maçonaria???!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Léo, a paz pra você também que palavras mais cheias de unção as suas,vai começar também uma "guerra" ,com estas palavras jocosas.

    ResponderExcluir
  7. Jocosas? Meu querido Lucas, voce não sabe o que é jocoso. Assista a alguns cultos do Waldomiro e as performances do Malafaia e volte a falar neste adjetivo. Sem ironias.

    ResponderExcluir
  8. Chorar ou rir? Ja sei, pedir misericordia.

    ResponderExcluir
  9. silas malafaia e um homen unsido por deus nada que voceis falaren dele vai afetar este grande homen de deus eu pesso a deus que continue abençoando ele para que atraves dele deus continue abençoando todos que crer em deus e em nosso senhor jesus cristo amem

    ResponderExcluir
  10. Temos que ser Berianos,pesar tudo pela palavra viva que é a palavra do Senhor,é não nos deixar levar por tudo que ouvinos .

    ResponderExcluir

Daqui pra frente só posta quem se identificar, os anônimos serão moderados. Quem quiser expressar opinião tem que bancar e mostrar a cara. Outra coisa, você tem o direito de se expressar, mas se houver agressão, o comentário será deletado.