quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Eu digo não a mordaça gay


Ninguém mais pode falar nada. Qualquer coisa que você venha a dizer que inclua as palavras gay ou homossexual já repercute como homofobia. Eu dúvido que a comunidade gay não ache esse post homofóbico. E sabe o que é pior, não é.




E isso não ajuda em nada a conquistar a simpatia das pessoas que hoje não vêem o homossexualismo como "orientação sexual". Por exemplo, eu não vejo, e não sou homofóbico, apenas tenho uma opinião diferente dos militantes da causa.



Não concordo com a prática homossexual, mas respeito o indivíduo e acho que essa deve ser a posição do cristão. Amo o pecador, mas odeio o pecado. E isso se aplica pra qualquer coisa, gula, extelionato, roubo, homicídio, inveja e etc...


Tenho amigos e amigas homossexuais e me relaciono muito bem com eles, ao contrário do que alguns ativistas crêem, é possível sim haver amizade entre heteros e homossexuais sem envolvimento religioso. Apenas não concordo com o fato de que todo mundo tem que abaixar a cabeça para os homossexuais. Afinal de contas todos temos direitos iguais e isso não destoa porque alguém se sente ofendido apenas por citar uma nomenclatura. Digo não a homofobia, mas também digo não a mordaça gay.


E no mais... tudo na mais santa paz!

36 comentários:

  1. noss, concordo plenamente...

    as pessoas com esta "opção sexual"
    querem impor que se falarmos algo sobre esse assunto, ja é homofobia... porém temos que ser apenas como vaca de presépio.... e dizer amém a tudo...

    claro, cada um com sua escolha... mas obrigar aos demais, ja passa um pouco dos limites... #eudigonãoamordaçagay!!!

    ResponderExcluir
  2. Bem, muitas pessoas têm preconceito até de falar nesse assunto. Pra começar a Bíblia fala " Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros"(João 13:34). Sem as pessoas seguissem isso não haveria discriminação. Mas como muitas pessoas não conseguem seguir isso outras frase da Bíblia diz:"Suportai-vos uns aos outros(Colossenses 3.13), Se a pessoa não consegue mesmo amar à pessoas que escolheram essa opção de vida deve, pelo menos, aceitar, suportar a opção que a pessoa escolheu.

    ResponderExcluir
  3. TENHO MUITOS AMIGOS HOMOSSEXUAIS, RESPEITO, AMOR, CARINHO, ATENÇÃO, TUDO QUE POSSO LHES DAR, GOSTARIA DE VE-LOS COMO NO MOMENTO DA CRIAÇÃO, MAS NÃO CRIO SITUAÇÃO DE CONFRONTO, APENAS QUANDO HÁ OPORTUNIDADE FALO A LUZ DA BIBLIA, TENHO DOIS AMIGOS QUE ERAM DE CANDOMBLÉ QUE TINHAM A PRATICA GAY E HOJE SÃO ASSEMBLEIANOS, UM DEU SEU TERRENO ONDE ERA SUA CABANA DE CANDOMBLÉ E CONSTRUIRAM IGREJA, O OUTRO CASOU-SE E FORMOU FAMILIA, TEVE FILHOS, QUE BACANA ESSE DEUS QUE LIBERTA, SÓ O AMOR CONSTRÓI.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo post e pelo novo lay out. Eu, como um chato webdesign não poderia deixar de notar as diferenças! Ficou show! Abraço
    Neemias Rodrigues

    ResponderExcluir
  5. Também tenho muito conflito com esse tema... amo tanto meus amigos gays, mas não sei opinar muitas coisas, muitas coisas são conflitivas na minha cabeça.

    Vou pensar muito esta semana.
    Gostei do blog, já adicionei ao meu.

    Paz!

    ResponderExcluir
  6. Penso igual a você, por isso publiquei na integra este post no meu blog minceusabertos.blogspot.com , Deus continue te abençoando. paz

    ResponderExcluir
  7. Faço coro ... "eu digo não a mordaça gay"!

    ResponderExcluir
  8. Faço minhas as suas palavras.

    ResponderExcluir
  9. Por isso que eu gosto do blog do Pastor Márcio, sempre explicitando a verdade as pessoas vale lembrar que o "povo perece por falta de conhecimento"

    Bruno Pulis

    ResponderExcluir
  10. A biblia e antes de cristo e depois de cristo ela é a minha lei, eu quero educar meus filhos, falar a verdade de cristo, não sou móbile de mídia, e não não sou a favor da liberalidade sexual que estamos vivendo e gay, bi, tri, sei lá mais o que, respeito cada um, mas n sou a favor de seus atos e acho o fim pensar que meu filho não vai poder dizer sou hetero convicto sem ter um monte de gente querendo fechar sua boca.

    ResponderExcluir
  11. Bem melhor que a postagem que li antes, deu até pra entender, e concordar :)

    ResponderExcluir
  12. Que coisa complicada se fazer entender, a verdade sempre tem dois lados: do que fala e do que escuta (ou lê, no caso).
    É notório que qquer discordância com o público gay acaba gerando perseguição e taxado como "homofobia". Quem segue a Bíblia nunca vai concordar com o homossexualismo.
    No entanto, qm segue a Bíblia nunca pode discriminar ninguém por qquer que seja o motivo.
    Amo meus amigos gays, oro por eles, aprendo com eles e convivo com eles numa boa.
    Fale do amor de Cristo, pregue o que a Bíblia diz, é nisso que as pessoas devem se atentar, para o amor de Cristo!
    Se for pra mudar de roupa, de opção sexual, de cidade, de emprego, enfim, se for pra mudar qquer coisa, fica na orientação do Espírito Santo, a obra é dEle e não nossa. Graças a Deus por isso.

    @thatypalhano

    ResponderExcluir
  13. Ai gente, num tem nada haver com mordaça minha gente, eu nasci gay, não fui criado gay, nem escolhi ser gay, nunca tive opção.

    Se eu nascesse negro na época da escravidão e onde a religião falava que o a raça de origem africana era coisa do diabo eu com certeza me revoltaria, mas né? Não poderia fazer nada, era a época da escravidão e eu nem seria considerado ser humano.

    Mas é claro que não existe tal mordaça, mas é triste ouvir/ler que é errado ser como eu sou, mas todo pastor evangélico vai poder falar que sou pecador por ser gay. A tal mordaça garante isso... Mas não vai poder me dizer que sou um doente, óbvio, como tão evidentemente uma pessoa de outra raça não é doente por ser de outra raça.

    Enfim, você e qualquer outra pessoa pode chegar pra mim, um homossexual, e dizer que eu sou um pecador.

    Perdi um bom tempo aqui procurando um artigo de um blog falando sobre essa tal "mordaça". Lá tem dizendo que o PL122 não vai proibir vocês que estão "me mandando pro inferno", devido ao meu caminho da felicidade, de "me mandar pro inferno".

    Taí o artigo: http://www.oxentesalvador.com.br/motix/pt_br/cena-gls/mona-mu/2010/3/17/PL122,5c8ff379-04bc-41d1-b7b3-91f71c6bc1aa.html

    Se realmente discorda da minha opinião e se sente amordaçado, então veja o PL122 e procure pelos pontos da mordaça e me mostre depois.

    ResponderExcluir
  14. Ops, acabei falando de uma Lei, mas o tópico nem era esse. :x
    Mas nem, ninguém gosta de ouvir que é pecador, né?

    E aí? Você pastor heterossexual que acredita que não tenho uma orientação sexual e sim uma doença, ou qualquer tipo de encosto do demônio ou qualquer coisa anti-natural... Não acha que se isso fosse uma condição curável com tantos séculos tentando mudar isso nas pessoas, você não acha que já haveria um avanço e que a medicina pelo menos continuaria a considerar uma doença?

    E se for encosto, ou sabe-se lá coisa do cão poderia ser, a igreja não teria sempre sucesso nisso? Claro que se tem ou não tem é quase impossível afirmar que existe um ex-gay ou só mais uma pessoa que se auto-reprime devido a implicações religiosas.

    Enfim de novo, concluindo, vocês podem dizer que somos pecadores, mas esperar que fiquemos calados é exigir demais.

    ResponderExcluir
  15. Allen, todo mundo é pecador... e deve se libertar do pecado... a mordaça existe sim...o cara que é gay não ter o direito de procurar um terapeuta pra resolver sua dor de ser gay e querer ser hétero se não o terapeuta vai preso...isso não é mordaça?

    ResponderExcluir
  16. Por que a defesa contra o ataque moral e físico que os homossexuais sofrem há séculos fere tanto a crença cristã? Eu, como um cidadão homossexual brasileiro, não gosto de saber que a Constituição do meu país é violada. Afinal de contas todos somos iguais perante a lei e o ESTADO que nos governa é laico. O que quer dizer que TODOS temos os mesmos direitos. De casar, sermos respeitados, de exercermos nossa cidadania e devemos ter leis que protejam-nos. Alegar que o direito de professar a fé é retirado porque não se pode mais acusar algo natural que alguém faz é inaceitável. Espero que reflitam acerca disso. (Minha opinião)

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  18. Que triste vc relacionar o homossexualismo com: "extelionato, roubo, homicídio, inveja e etc..."

    Esse pensamento é arcaico e preconceituoso,

    A cabeça das pessoas precisam mudar..
    E isso que vc disse no post não favorece ninguém, nem 'em nome da religião' como dizem..

    Só piora a relação e a liberdade entre as pessoas




    [não repensei.. só quis corrigir a construção do meu post. continuo acreditando no que disse]

    ResponderExcluir
  19. Julia, não faço distinção de pecados, pra mim não existe pecadinho nem pecadão, por isso pra mim matar alguém é tão pecaminoso quanto homossexualismo e ambos precisam ser confrontados, ou não?

    ResponderExcluir
  20. Quando esse pastor achar algum trecho na Bíblia mandando ele dar a bundinha pra ir pro céu, ele para com essa palhaçada!!! Por que aí não vai ser mais a opinião esdrúxula dele, e sim a "Palavra do Senhor"!!!

    Vocês pastores poluem a mente das pessoas... existem exceções... eu não conheço, mas deve ter por aí.

    Ama o pecador mas odeia o pecado né? O mínimo que você tem que amar é o pecador mesmo, já que você comete um pecado a cada culto que dá.

    Extelionato é o que os senhores fazem com esse negócio ai chamado dízimo, e afins!!! Como que fica agora?

    Lê pro seus fiéis aquela parte em que Jesus fala que a casa de Deus não é comércio... e quebra tudo depois! Mas lembra de ler isso antes da hora do dízimo ta?

    ResponderExcluir
  21. Rubens, vc é gay? Se for vai fazer o que lhe é peculiar vai...

    ResponderExcluir
  22. Hetero... mas acho que realmente vou fazer algo melhor do que ficar por aqui mesmo!

    Boa sorte no seu blog, e tente postar assuntos mais inteligentes!!!

    Abraço

    ResponderExcluir
  23. Márcio de Souza, sua resposta a mim foi digna de pena.

    Não existe relação alguma entre matar alguém e ser homossexual, espero que as pessoas que frequentam seu culto saibam disso.
    Não pregue discordia e preconceito na cabeça dos que tem fé e infelizmente escolheram a sua igreja.

    A resposta que o sr deu ao Rubens não poderia haver mais preconceito
    pareceu resposta de uma criança de 7 anos, que não tem argumentos. E ainda mais quando foi dita A VERDADE.

    Que aliás, foi bom para mostrar ainda mais seu pensamento infeliz.

    E também digo o mesmo, não voltarei mais aqui.
    Espero que sua mente evolua, ainda há tempo!

    e pastor, "vai fazer o que lhe é peculiar vai!"

    ResponderExcluir
  24. Não faço questão de que gente como vc que não discerne entre a mão esquerda e a direita voltem aqui...o melhor que vc faz é se enfiar no seu mundo de fantasia e viver seu engano. Homossexualismo é pecado eabrir mão disso é negociar a fé e os princípios cristãos. Passe bem Julia.

    ResponderExcluir
  25. nossa...que coisa idiota...
    você fala como se todos os Homosexuais...escolhecem isso pra vida!
    Você acha que nós gostamos de ser xingados, humilhados e esculachados por pessoas que não respeitam? você ia querer isso pra sua vida? não é demonio no corpo, nao é disturbio mental, NÃO EXISTE EX GAY, se vc prega que consegue converter um gay em hetero, você ta mentindo pra si e pra todos que o cerca. Ninguem nunca disse que não é possível ter uma amizade com pessoas de outras desejos sexuais. E falar a palavra GAY e HOMOSEXUAL não é errado, é errado a forma como você conjulga a frase pra colocar ela no meio.

    ResponderExcluir
  26. É possível a amizade entre homossexuais e héteros. Alguns respeitam.

    Tem héteros que não gostam de homossexuais e é um direito deles.

    O que ninguém tem o direito é de discriminar alguém por sua orientação sexual. Isso é a PLC122. Você pode ser até contra e não gostar, mas não poderá discriminar. Entendeu?

    Abração!

    ResponderExcluir
  27. Julia disse...
    Esta postagem foi removida pelo autor.
    18 de novembro de 2010 14:17
    Márcio de Souza disse...
    Removeu Júlia? repensou o que disse?
    18 de novembro de 2010 14:27

    _ _ _ _
    Não, Márcio... ela não repensou... você quem removeu o comentário dela. Pessoas anti-democráticas fazem isso. Escrevem o que querem, mas na hora de assumir as conseqüências preferem calar as outras pessoas do que argumentar, pois sabem que não possuem argumento suficiente para continuar pregando injustiças. O reinado do Hittler durou pouco... rsrsrs

    ResponderExcluir
  28. Marcio Souza, você é um mortal! Não faças de suas palavras, as de Deus. Arvoras-te ser homem de Deus, mas esqueces que seus mistérios não dizem respeito a humano nenhum. Por que em lugar de estimulares a HOMOFOBIA, fala da tolerância, da solidariedade, da compaixão, da generosidade? Desce desse pedestal e examina a tua alma vaidosa e preconceituosa, então verás que és uma tênue poeira no universo.

    ResponderExcluir
  29. Sinceramente, entendi o ponto de vista do Marcio e estou lendo comentários contra ele em maior parte equivocados.
    Ninguém é obrigado a aceitar o homosexualismo, mas violentar de qualquer forma os gays, ÍNDIOS, NEGROS GORDOS, BAIXOS deve ser PROÍBIDA. Sou contra o preconceito e contra qualquer tipo de violência, mas não simpatizo com a causa da #homofobianão porque li muitos ataques contra quem é evangélico e católico (fiquei até com dó dos pastores e padres) e heterossexuais.
    Tanto tema pra ser debatido muito mais sério do que isso e vocês com a tag #homofobianao querendo mudar o pensamento de todo o mundo.
    Milhares de pessoas morrem pelo mundo a cada minuto de fome e tempo sendo gastou com isso. Conheço pessoas gays mas nem por isso as trato mal. Aí venho ler a história de que quem não aceita isso é idiota e limitado, fala sério.
    Cadê o respeito com os outros, assim como os GLBs querem?
    E se a bíblia fala que isso é pecado, vocês querem uma lei específica que proíbam um texto literário só porque falam que vocês vão pro inferno? Já que não querem aceitar isso apenas ignore assim como agente ignora a heterofobia de vocês.
    Bem, é minha opinião, que embora seja diferente de muitas, deve ser respeitada.
    Boa tarde a todos.

    ResponderExcluir
  30. Para começar, Oraculo do Dragão disse que o Marcio de Souza removeu o comentario da Julia, acusando-o de vetar o direito de expressao da mesma, sendo que no comentario seguinte ela explicou o porque dela ter removido o comentario. Eu acho que antes de se julgar as pessoas e de ofende-las voce deve ao menos estar por dentro do assunto.

    Sobre o assunto do post, para mim os homossexuais nao devem ser discriminados, afinal a vida e deles, porem se eles nao querem ser discriminados entao porque, em sua maioria (mas nao todos), eles tem uma atitude diferente de toda sociedade em geral.

    Muitos devem achar que eu estou sendo homofobico e etc., mas eu estou sendo realista, porque ate hoje eu nunca vi uma pessoa andando na rua e praticamente falando: eu sou hetero, mas eu ja vi muitos homossexuais andando pela rua e praticamente falando: eu sou gay e me orgulho disso.
    Se a pessoa quer ser respeitada pela opçao sexual dela, aja como um pessoa comum na sociedade e apenas se orgulhe da opçao sexual entre quatro paredes, afinal ninguem e obrigado a saber qual a sua opçao sexual, so sabera quem quiser.

    Eu posso até ofender alguns, mas essa é apenas a minha opinião.

    ResponderExcluir
  31. e eu assino todo o comentário do Gabriel.
    Concordo com cada palavra acima.

    ResponderExcluir
  32. Oráculo, no afã de me crucificar vc pegou o bonde andando e caiu feio. Quando o blogger diz que quem retirou o comentário foi o "autor" ele está se referindo ao autor do comentário e não ao administrador do blog. Só retiro comentários ofensivos e desrespeitosos o que não foi o caso da Júlia. Preste mais atenção antes de falar besteira.

    ResponderExcluir
  33. Graça, vc é tão sem graça...um desperdício...

    ResponderExcluir

Daqui pra frente só posta quem se identificar, os anônimos serão moderados. Quem quiser expressar opinião tem que bancar e mostrar a cara. Outra coisa, você tem o direito de se expressar, mas se houver agressão, o comentário será deletado.