sexta-feira, 17 de julho de 2009

Mais uma dose? É claro que eu to afim! Beber vinho. pode?


Ontem recebi uma sugestão de post do Brunno Soares. Ele me falou que talvez fosse interessante falar sobre o vinho! Taí comprei a idéia e resolvi comentar nesse post algumas ponderações sobre o vinho.

Seria o vinho que Jesus tomava fermentado? Sim é a resposta. O mesmo tipo de vinho que embriagou Noé é o vinho que estava fazendo a turma feliz em Caná da Galileia. Se alguém tiver dúvida disso, acesse o link http://www.estudos-biblicos.com/vinho.html e tire suas dúvidas.

Então se Jesus tomava vinho porque eu também não posso tomar? A resposta é “pode”! Não veja nisso abertura para embriaguez, mas para alguns momentos de celebração a dois, ou para viver aquilo que o compositor Toquinho chama “de estar com alguns bons amigos bebendo de bem com a vida”. A questão aqui não é não beber, mas não embriagar-se.

Estive em um congresso faz algum tempo e recebi uma comitiva de irmãos de toda parte do mundo. As atitudes eram diversas. Os escoceses logo se sentaram para meditar na palavra com um copo de whisky e um cachimbo a boca; Os alemães se dirigiram para o bar e pediram cerveja retirada direto da caixa, na temperatura ambiente; os bolivianos, tomaram cerveja bem gelada, e os brasileiros, ah os brasileiros, ficaram aguando!

Quero ser pratico aqui e dizer que cerveja (que tem menor teor alcoólico que vinho), o próprio vinho, que em suas derivações são bem apreciados por um grupo de cristãos e outras bebidas não devem ser colocadas no rol das coisas demonizadas. Elas são instrumentos de celebração se usadas ponderadamente. Bem, fico com o apóstolo Paulo que diz: “Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.”

Resumindo, se for pra fazer vexame, se você não sabe se controlar, não beba, mas se for beber de forma controlada, me chame!

67 comentários:

  1. Aleluia! Esta semana tem sido benéfica...é o segundo texto pelo qual me apaixono. Li outro do Renato Vargens e agora este.
    Quebrar "dogmas" impostos por certas instituições, em nome de Deus, é sempre um ato de coragem.
    Muito já escrevi acerca de temas como estes e me via sozinho. Nestes dias percebi que há mais gente inteligente por aqui.
    Parabéns pela ousadia, mesmo sabendo que muitos virão e lhe apedrejarão, com a ideia errada de que prostituistes o evangelho.

    Parabéns, tens um parceiro de ideias... ( não pense que sou um alcoolico, muito pouco bebo nesta vida...sou apenas alguem que preza as coisas bem ditas, embasadas)

    Um abraço,

    Rodrigo Magalhães

    ResponderExcluir
  2. ah, me apaixonar não é no sentido "extravagante". Tenho que cuidar estas palavras, hehe!

    ResponderExcluir
  3. Boa reflexão. Extremamente esquilibrada!

    Abraços,

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo seu artigo.

    Sou pastor de uma igreja evangélica em Portugal, Figueira da Foz e para nós essa questão é pacifica.

    Quando começámos a conviver regularmente com irmãos brasileiros, surgiu esse "problema" que para alguns é fracturante.

    A nossa pureza e autenticidade chega a ser colocada em causa pelos partidários desta linha abstencionista.

    Há razões históricas e sociológicas para esta inibição, mas a Igreja já devia ter aprendido que não é pela proibição que se vence, mas pela educação.

    Já tinha lido comentários de alguns irmãos brasileiros sobre este tema, com equilibrio realçando a verdade e afasteando o receios infundados.

    Na verdade o problema não é do líquido em si, mas comportamental, como tudo.

    Abraço

    João Pedro Robalo

    ResponderExcluir
  5. Boa garoto!!!
    Tendo equilíbrio não vejo problema!!!
    ABçs

    ResponderExcluir
  6. Minha família é Italiana... sempre é com tomar um álice de vinho faz bem até para o coração!

    ResponderExcluir
  7. Meus irmãos queridos. Não querendo criar polêmica, mas deixando a minha opinião, vou citar alguns textos do livro de capa preta que todos nós temos em casa e que apenas alguns lêem, e outros tantos lêem apenas o que for para seu proveito e interesse.

    Bom, o que dizer dos seguintes versículos:

    "E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito;" (Efésios 5: 18).

    "Não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento;" (I Timóteo 3: 3).

    "Porque convém que o bispo seja irrepreensível, como despenseiro da casa de Deus, não soberbo, nem iracundo, nem dado ao vinho, nem espancador, nem cobiçoso de torpe ganância;" (Tito 1 : 7)

    MAIS A QUE EU MAIS GOSTO É ESTA:

    "Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça." (Romanos 14: 21).

    Poderia colocar outros, mas senão vejamos: Sou cristão evangélico e moro no Brasil, onde a nossa "cultura", é diferente da de outros países. Não posso justificar o meu modo de pensar tendo como base outras culturas, todavia, não sou proibido de fazer o que eu bem entendo com minha vida, desde que não traga escândalo ao meu irmão fraco na fé.
    No final, cada um vai dá conta de si mesmo...

    AGORA A MINHA OPINIÃO

    Não vejo qualquer problema em tomar uma taça de vinho vez por outro, mas acredito que ao fazer isso, não vejo necessidade de apregoar aos quatro ventos que tomo mesmo uma e outras; meu irmão mais fraco na fé pode ficar doente por minha causa, entende? Todavia, posso fazer isso por que eu não tenho problema mesmo em tomar apenas uma taça e sair para ser feliz sem precisar de uma segunda, terceira... Taça para continuar a ser "feliz", mas todos sabem que quem tem tendência ao vício, não pode nem chegar perto do copo.

    Irmãos queridos sigamos o conselho do Apóstolo amado: Não vamos escandalizar nossos irmãos mais novos na fé (Romanos 14) com textos desnecessários, antes, porém, busquemos escrever textos que edifiquem o corpo e que mostre saídas para as armadilhas da vida.

    Querido amigo Márcio, sou fã dos seus escritos, mas sugiro que deixemos de escrever artigos que em nada vai somar na edificação do corpo.

    Com todo carinho, admiração e carinho que tenho por você.

    Jailson Freire

    ResponderExcluir
  8. Rapaz...

    Iluminado sejas, sempre! Rsrs

    Um bom vinho/cerveja/wiske/tequila/cachimbo/charuto na presença de bons amigos é quase celestial!

    Abraço

    ResponderExcluir
  9. Bom Dia! eu nunca bebi nem uma taça nem meia de vinho e nunca senti a melhor vontade. Mas entendo que agente tem que visualizar que quando falamos em bebidas estamos falando numa industria nociva a sociedade. Quantos pessoas agente conhece que estão com as vidas destruídas por causa de bebidas. Muitos começaram com uma taça de vinho ou um copo de cerveja nos finais de semana. Então pergunto vamos alimentar essa industria?

    ResponderExcluir
  10. A Paz do Senhor!
    Realmente, lembra que em um comentário destaquei que Jesus era "conhecido pelos fariseus" como "comilão e beberrão"?

    Jesus tomavam vinho, Ele não condenava isto, condenava o excesso e a falta de controle das pessoas. Paulo também recomenda a Timóteo beber sempre um pouco de vinho como tratamento medicinal, pelos problemas estomacais que o jovem pastor passava. Será que foi o stress de ter dirigido a Igreja em Corinto?

    O vinho não poderia faltar nas festas e comemorações pois representava a alegria. Um cálice de vinho após as refeições ou consumido moderadamente não vejo mal algum nisso.

    Que DEUS abençoe a todos.

    ResponderExcluir
  11. ah e isso ai vamos beber cair levantar neh irmão,,, ahan te parece que vamos beber como bebemos coca cola (diga se de passagem tb é muitas vezes demonizada)
    Você está la meio com raiva ou com raiva inteiro ou trite e ai você so toma 3 dedinhos de vinho 85% de alcool igualzinho o que Jesus tomoou neh? edificante isso aqui não .... mas ja vi picaretas na tv piores...

    ResponderExcluir
  12. MUITO BOA SUA POSTAGEM..
    ALIÁS TODAS AS POSTAGENS....
    SÃO TEMAS BEM POLÊMICOS...E BEM INTERESANTES.. EU GOSTO DISSO!!!

    INFELISMENTE A RELIGIÃO HJ EM DIA TEM AFASTADO MUITOS CRENTES DA PRESENÇA DE DEUS....
    MAS É PRA ISSO Q ESTAMOS AQUI NÉ...

    MAS COMO DIZ A PALAVRA DE DEUS: CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ..(NA VERDADE É NO SENTIDO DE ENTENDER A VERDADE)

    MUITO BOM MESMO MÁRCIO...

    DEUS TE ABENÇÕE E QUE ELE POSSA CONTINUAR TE USANDO....

    BJUSSS

    ResponderExcluir
  13. acho bem relevante o assunto, já que é uma recorrente em meus e-mails o pedido pra escrever sobre o assunto. Jesus bebia vinho sim, e não há como negar! E tem mais, ficou triste quando acabou o vinho em caná da galileia e alegrinho quando multiplicou muita, mas muita água em vinho pra rapaziada se alegrar!

    Não venha me dizer agora "mas a alegria do crente é jesus..." isso é obvio... to falando de se alegrar no Senhor até através de uns goles com os amigos!

    ResponderExcluir
  14. Graças a DEUS sou Enófilo ( quem gosta e aprecia vinho ), mas não sou bebado, cada um tem que se conhecer.
    Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir
  15. Hahahahaha!!!

    Eu me divirto com os comentários... Mas dessa vez, para minha surpresa, as pessoas não te criticaram tanto... Como sempre, mandou muito bem!!! Sei que você tem escrito muitos artigos polêmicos, com o intuito de esclarecer, e não simplesmente polemizar!

    Muito bom, parabéns mais uma vez!

    Que Deus continue te inspirando a escrever...

    ResponderExcluir
  16. cuidado para não pregar.isso para novos convertidos!!!!

    ResponderExcluir
  17. Nosso corpo não e o templo do espirito santo?

    ResponderExcluir
  18. EU BEBO SIM, ESTOU VIVENDO, TEM GENTE QUE NÃO BEBE ESTÁ MORRENDO...., SE FOR DIRIGIR NÃO BEBA, BEBA COM MODERAÇÃO, POR QUE SE PASSAR DE 80KM O ANJO SAI DO CARRO, CUIDE-SE.

    ResponderExcluir
  19. Pr. quem é o homem que conhece a si mesmo?
    Eu fasso parte de um grupo de amigos e irmãos que ainda temos dificuldades para lidar com essas quetões. Quem me garante que eu vou beber um copo de vinho e ficar só no primeiro?!
    Ah talvez eu consiga, mas se o meu irmão que tem mais dificudade que eu não resistir, porque é uma bomba relógio só esperando o start.
    Será que a sujestão do Brunno nesse tema era para fazer apología ou desmitificar o assunto?
    A galera de Pendotiba e do Carangueijo têm saudades!
    Graça e paz.

    ResponderExcluir
  20. Ótimo texto, vou comentar s/ ele no blog!
    Abração.

    ResponderExcluir
  21. Perfeito!

    Tenho uma pequena adega em casa quandoi quiser fique à vontade!

    ResponderExcluir
  22. Fui criada em um lar onde bebida alcoólica nunca entrou. Meu pai, em sua juventude, antes de converter-se e casar-se com minha mãe, foi um "apareciador" de noitadas regadas à muita bebida e mulheres (segundo ele próprio). Desse modo, cresci ouvindo histórias sobre os males do álcool(algumas horríveis, outras bem engraçadas).
    Hj,não gosto sequer do seu cheiro, mas não me incomodo com quem dele faz uso e não acho, sinceramente, que seu consumo torne alguém menos espiritual, porém concordo com o irmão Jailson quando fala dos irmãos "escandalízáveis", pelos quais temos o dever de zelar.
    Embora saiba que sua intenção não tenha sido o de fazer apologia, tenho a nítida impressão que seu post pode provocar, não uma polêmica, (o que pode ser saudável), mas uma dúvida que venha atormentar o coração do neófito, por quem Cristo morreu e a quem devemos amor e consideração.
    Em Cristo,
    Sua ovelhinha da roça(rs)
    Marcia

    ResponderExcluir
  23. O crente tem que eliminar o hábito de beber refrigerantes, porque esse sim comprovadamente faz mal a saúde, os diets e lights nem se fala, e crente bebe muito refri, então se vc não é adepto do bom vinho, beba sucos naturais e principalmente pelo menos 1,5 Lt de água dia, como foi dito em um dos comentários, somos templo do espirito Santo, então temos que nos cuidar preventivamente com bons hábitos alimentares, exercicios fisicos, uma boa noite de sono, ATENÇÃO o vinho reduz o colesterol LDL ( um cálice dia ),
    Obs: VINHO SECO, o doce não é legal não, dica para acompanhamento do vinho: Carnes brancas c/ vinho branco, Carnes vermelhas c/ vinho tinto.
    Um abração amigos, que DEUS os abençõe.
    Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir
  24. Não vejo como pecado beber vinho, porém também creio que não se deve dizer sem explicações, que se pode beber vinho, cerveja etc. Porque não se deve ensinar simplesmente assim: você pode beber. Porque não é só a embriaguez que a bíblia condena, mas condena também o escândalo, o fazer tropeçar um dos pequeninos. E beber escandaliza muita gente...E como ensinar alguém que se pode beber a alguém que tem tendência ao alcoolismo, ou é parente de alcoolátra? Portanto, meu nobre articulista, faltou no seu texto algumas observações necessárias para que a pessoas reflita antes de beber. Não se pode dizer simplesmente pode. Deve se ensinar que além da embriaguês, o escândalo e a tendência ao alcoolismo também são motivos para que eu fuja da bebida alcoólica.

    ResponderExcluir
  25. 25 cometários!!! Assunto polêmico e aperitivo assim o povo gosta logo de opinar, até eu mesma. Rsrsrssss
    Gostei do texto, mas não li os comentários, apenas o do meu amigo e pastor Renato Vargens. Fico com as idéias do texto e com esse comentário, equilibrados.
    E para quem é equilibrado e tem domínio próprio, vai uma grande sugestão, não podia perder essa oportunidade, de um excelente vinho francês Saint Martin - Pinot Noir. Para celebrar a vida a dois é especial. Você econtra no Hortifruti de Niterói, baratinho. Boa celebração!

    Abraço fraterno,
    Maria Cláudia

    ResponderExcluir
  26. Pelo que me consta, a Biblia não proíbe que se beba vinho, condena a embriaguez. Não vamos ficar por aí enchendo a cara né? Não vejo problema em beber um vinho COM BASTANTE MODERAÇÃO. Concordo com os irmãos que dizem que não se pode simplesmente dizer na igreja que podemos beber, é preciso explicar muito bem ao povo. Alguns realmente não podem nem chegar perto de bebiba, esses realmente tem que fugir disso. Eu tenho uma certa resistência com relação a cerveja, deve ser por associar a imagem da cerveja a bagunça, farra e outras coisas... Também é difícil para mim visualizar um cristão fumando, seja charuto ou cachimbo, mas tem a questão cultural né? Eu tenho o costume de tomar vinho sim, na grande maioria das vezes em casa com minha esposa. Quase que uma vez por semana.

    ResponderExcluir
  27. Neemias Rodrigues disse...
    Rapaz...

    Iluminado sejas, sempre! Rsrs

    Um bom vinho/cerveja/wiske/tequila/cachimbo/charuto na presença de bons amigos é quase celestial!

    Abraço

    9:21 AM??????

    me esplique?
    ass douglas

    ResponderExcluir
  28. Olá meu pastor,
    É com muito prazer que estou iniciando a minha participação no seu blog. Para mim, a grande verdade é que conforme foi dito pelo DOUGLAS KNNOR que somos templo do Espírito Santo,não concordo com o que foi dito no texto,pois a liberdade citada por Paulo aponta para libertação.Gostaria que o senhor me respondesse...

    Neemias Rodrigues disse...
    Rapaz...

    Iluminado sejas, sempre! Rsrs

    Um bom vinho/cerveja/wiske/tequila/cachimbo/charuto na presença de bons amigos é quase celestial!

    Abraço

    Onde está essa pessoa ou que mundo ele vive para colocar um comentário desse? O senhor é a favor ou contra essa performance desssa pessoa?

    ResponderExcluir
  29. É de tanta coisa "GOSPEL" que se inventam por aí, agora temos os cachaceiros...."GOSPEL" também.
    Falo isso por alguns comentários.
    É um assunto muito delicado e se for para eu causar algum escândalo é melhor eu ficar quieto.
    Antes de me despedir quero dizer que não critico os que se controlam e são reservados, mas sou contra as bebidas alcólicas.

    ResponderExcluir
  30. Querido Augusto!
    Toda liberdade é pra uma libertação concorda? Isso é redundante! O que Paulo está dizendo, é que os crentes gentios não deveriam mais deixar os judaizantes colocar "cabresto" neles. Os judaizantes tinham uma forma de ver o mundo do prisma do legalismo judeu da época, e os gentios estavam descobrindo um novo caminho que os libertara de todos os ritos pagãos. O que Paulo ta querendo dizer é que ninguém pode botar "cabresto em ninguém, porém que isso não se torne bagunça. Pode-se beber? Me diga na bíblia onde diz que não, se o próprio Jesus providenciou vinho em seu primeiro milagre em Caná da Galileia. O que a bíblia condena é o exagero, a baderna e não o ato de beber. Isso é uma cultura nossa, brasileira e não um concenso mundial.

    Fica com Deus meu amigo!
    Comenta mais!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  32. ROMANOS 14


    1 ORA, quanto ao que está enfermo na fé, recebei-o, não em contendas sobre dúvidas.
    2 Porque um crê que de tudo se pode comer, e outro, que é fraco, come legumes.
    3 O que come não despreze o que não come; e o que não come, não julgue o que come; porque Deus o recebeu por seu.
    4 Quem és tu, que julgas o servo alheio? Para seu próprio SENHOR ele está em pé ou cai. Mas estará firme, porque poderoso é Deus para o firmar.
    5 Um faz diferença entre dia e dia, mas outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente seguro em sua própria mente.
    6 Aquele que faz caso do dia, para o Senhor o faz e o que não faz caso do dia para o Senhor o não faz. O que come, para o Senhor come, porque dá graças a Deus; e o que não come, para o SENHOR não come, e dá graças a Deus.
    7 Porque nenhum de nós vive para si, e nenhum morre para si.
    8 Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. De sorte que, ou vivamos ou morramos, somos do Senhor.
    9 Porque foi para isto que morreu Cristo, e ressurgiu, e tornou a viver, para ser Senhor, tanto dos mortos, como dos vivos.
    10 Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que desprezas teu irmão? Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo.
    11 Porque está escrito: Como eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a mim, E toda a língua confessará a Deus.
    12 De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.
    13 Assim que não nos julguemos mais uns aos outros; antes seja o vosso propósito não pôr tropeço ou escândalo ao irmão.
    14 Eu sei, e estou certo no Senhor Jesus, que nenhuma coisa é de si mesma imunda, a não ser para aquele que a tem por imunda; para esse é imunda.
    15 Mas, se por causa da comida se contrista teu irmão, já não andas conforme o amor. Não destruas por causa da tua comida aquele por quem Cristo morreu.
    16 Não seja, pois, blasfemado o vosso bem;
    17 Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.
    18 Porque quem nisto serve a Cristo agradável é a Deus e aceito aos homens.
    19 Sigamos, pois, as coisas que servem para a paz e para a edificação de uns para com os outros.
    20 Não destruas por causa da comida a obra de Deus. É verdade que tudo é limpo, mas mal vai para o homem que come com escândalo.


    (ATENÇÃO)

    (****21 ) Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça.






    22 Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova.
    23 Mas aquele que tem dúvidas, se come está condenado, porque não come por fé; e tudo o que não é de fé é pecado.

    ResponderExcluir
  33. Mat 18:7 - Ai do mundo, por causa dos escândalos; porque é mister que venham escândalos, mas ai daquele homem por quem o escândalo vem!

    ResponderExcluir
  34. ATENÇÃO) romanos 14 :21

    (****21 ) Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça.

    ResponderExcluir
  35. Voce deve ser apaixonado por esse texto porque vc deve ser um beberrão e achou um comentario que lhe permite beber por isso que estas tão feliz assim.

    ResponderExcluir
  36. Douglas meu querido!
    Não to falando que devemos explanar a bebida como doutrina e sair bebendo todas por aí no bar da esquina. Só to dizendo que não é proibido beber... Só isso, nada mais!

    ResponderExcluir
  37. Ao irmão Douglas,

    É interessante que no texto de ROMANOS 14, que você cita, o apóstolo Paulo exorta o Forte na Fé e o Fraco na fé.

    Só tem uma coisa que SEMPRE esquecem: PAULO ESTA DO LADO DOS FORTES NA FÈ!

    Tanto é que o santo apóstolo fala no versículo 4 AO FRACO:
    "QUEM ÉS TU, QUE JULGAS O SERVO ALHEIO? Para seu próprio SENHOR ele está em pé ou cai. Mas estará firme, porque poderoso é Deus para o firmar."

    O apóstolo esta dizendo para o FRACO o seguinte: Quem é vc para julgar seu irmão? Se ele está de pé ou cai isto é da conta DO SENHOR! O que vc não percebe é que EU O FAÇO FICAR DE PÉ!

    Ou Paulo esta dizendo outra coisa?

    No restante do texto amado irmão, ele só diz que o equilíbrio É TUDO!

    Simples: Beber é lícito! Embriaguez é pecado!

    O resto é legalismo!

    ResponderExcluir
  38. Ontem escrevi um artigo denominado:

    matrix, os evangélicos e a crise do real e irreal. http://renatovargens.blogspot.com/2009/07/matrix-os-evangelicos-e-crise-do-real-e.html

    Vou reproduzir um comentário feito no meu texto que tem tudo com o tema proposto pelo Pr. Márcio:

    Esta Matrix é a grande tentação dos cristãos contemporâneos. A vida TEM que ser uma vida sem sabor e saber.

    A tal libertação das trevas parece mais um retrógrado jogo do "Pode ou não pode?"

    Isto na verdade mostra um pecado tão grande que a nossa mente parece não conseguir alcançar: desconfiamos do Amor de Deus pelos salvos!

    Temos que ficar fazendo obras para sermos aceitos ou mais amados por Deus.

    Li gente falando de Romanos 14 para defender a abstinência de vinho!

    Só esquecem de ler o texto e perceber o que o texto diz:
    1- Paulo chama ao equilíbrio os Fortes e Fracos na fé!
    2- Paulo esta do lado dos fortes!
    3- Os fracos são exortados a deixarem de ser JULGADORES dos que comem carne ou coisa que o valha!

    Tanto é assim que no versículo 4 do capítulo 14 o apóstolo diz:
    "QUEM ÉS TU, QUE JULGAS O SERVO ALHEIO? Para seu próprio SENHOR ele está em pé ou cai. Mas estará firme, porque poderoso é Deus para o firmar."

    TRADUZINDO: Quem é vc fraco na fé para julgar seu irmão? Se ele está de pé ou cai isto é da conta DO SENHOR! O que vc não percebe é que EU O SOU QUEM O FAZ FICAR DE PÉ!

    4- Fortes ou fracos na fé tem que viver em Amor. Se um bebe vinho, beba com moderação sem julgar quem não bebe. Se vc não bebe, não fique julgando o irmão que bebe! Ler Rm 14.10-12

    5- E liberdade amados irmãos não é fazer o que quer. Os fortes e fracos devem viver de acordo com o Senhor, portanto: Quem bebe vinho, beba SEM QUE ISSO seja tropeço. E quem não bebe, NÃO FAÇA DISTO tropeço pra quem bebe! Rm 14.12-16

    6- No restante do capítulo Paulo adverte aos Fracos e Fortes que não fiquem se gloriando por fazerem ou não fazerem, mas por servirem a Deus
    em suas práticas.

    Inclusive ai o apóstolo pega mais pesado com os fracos: "
    "Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova. Mas aquele que tem dúvidas, se come está condenado, porque não come por fé; e tudo o que não é de fé é pecado." Rm 14.22-23


    Se alguém quer viver na Matrix, continue...

    Lá não é meu lugar!

    ResponderExcluir
  39. Há algum tempo quero postar sobre isso... No casamento da minha irmã me peguei pensando no porquê eu não poderia tomar um bendito coctel que continha vinho... Olhando pra taça à minha frente, tomei a liberdade de saboreá-lo enquanto pensava que era maior de idade, não iria dirigir, não pretendia me embriagar (e não o fiz, rs) e sou livre... Não me tornaria dependente de um ou dois cocteis daquele!
    Durante um tempo procurei mais sobre o assunto e... AMEI seu post. rsrs
    Infelizmente muitos confundem liberdade com libertinagem e moderação com demonização... rsrsrsrsrsrsrsrs

    Mas enfim, Marcio, és uma bênçããão na minha vida (e na de muitos).
    Prossiga, que estou aqui, fielmente. rsrs!
    Pazzzzzzzzzzz.

    Com amor, em Cristo, Bárbara Matias.

    PS.: Quando falaram em beberrão, ali em cima, falaram de vc ou de Jesus? rs! Era assim que falavam do nosso Senhor, não é mesmo? Ah tá! rs!

    ResponderExcluir
  40. Bárbara!
    É isso que me faz prosseguir querida... suas palavras foram extremamente revigorantes... me trouxeram vida de verdade... obrigado or tudo querida!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  41. muito boommm!! Precisava traduzir esse texto pro Pastor da Luterana aqui haha! Adoro seu blog! Um dos meus favoritos! beijos

    ResponderExcluir
  42. Marcião pastor amado!! ja gostava de ti rapá, agora com esse texto inteligente e "sobrio", te amuuu!!
    sempre falei isso, acontece que cada um com seu cada um, tem gente que realemente tem q achar uma taca de vinha pecado, pq nao tem controle, mas eu tomo uma taça, quase nunca mais que uma e nem por isso me sinto em pecado, haaa so pra lembrar, tem que ser vinho bom, porque vinho porcaria é heresia.

    ResponderExcluir
  43. Essa não é uma desculpa esfarrapada, mas sim, ridícula, fora de cogitação.
    Crente bebendo vinho? ora, faça-me o favor. Sabe como é feito o vinho hoje?
    Um exemplo simples: Qual é a regra do AA(Alcoólicos Anônimos)? Evitar o primeiro gole." São grupos de pessoas que reconhecem o estrago que o álcool faz na vida, nas lares. Não precisa ser um crentalhão pra saber disso. São pessoas que tentam se abster de qualquer tipo de bebida, seja vinho, pois sabem que podem cair. Tenho exemplos em meu lar. Meu pai frequentou essas reuniões, conheceu muitas pessoas lá. Eles saem convictos do que o primeiro gole fez na vida deles. São pessoas que saem de lá convictas, porque? Porque reconhecem, ouvem histórias parecidas, e com a ajuda de Deus primeiramente e dos fundadores que conseguem sair. E eles deixam bem claro, que lá não é uma regra, a pessoa automaticamente deve sentir a necessidade de parar. Esses métodos, as reuniões por mais satisfatórias que sejam nem sempre trazem os resultados esperados, pq se todos os casos tivessem soluções, não iríamos ver mendigos nas ruas, e muitos dos casos de estarem nas ruas? As famílias não puderam fazer mais nada,(seja lá o vício, mas se tratando do alcool)fizeram tudo que podiam, a pessoa que não quis. Não podemos dizer que todos são 100% solucionados, porque não são, sejamos sinceros, nem todos tem a mesma força de vontade.
    Agora dizer que um gole não vai fazer mal? Ainda mais Cristãos? Ah por favor, isso não entra na minha cabeça. Só quem tem exemplos sabe o que o "um golinho, sem problema" faz depois.
    Jesus usava o suco de uva que não foi passado pelo processo de fermentação. Porque veja bem, há dois tipos: o fermentado e o não-fermentado. Há uma distinção.
    Vinho na Bíblia, apresenta-se com 2 nomes para distinguir o suco de uva fermentado e o suco de uva não fermentado que é Yain e Tirosh. Acontece que na tradução de hoje, é vinho somente.
    E temos muitos e muitos textos que condenam o vinho embriagante, ou seja, o fermentado.

    Ah, pros que usam versículos "soltos" ou seja, não leem por completo, a passagem que Paulo diz para Timóteo usar vinho para complicações no estômago, ele frisa bem para mistura-lo com ÁGUA para um efeito medicinal.

    Como a indústria da bebida está hoje, dizer que um Cristão pode bebe-lo, mesmo que seja um golinho, é totalmente errôneo.

    ResponderExcluir
  44. "Os escoceses logo se sentaram para meditar na palavra com um copo de whisky e um cachimbo a boca; Os alemães se dirigiram para o bar e pediram cerveja retirada direto da caixa, na temperatura ambiente; os bolivianos, tomaram cerveja bem gelada, e os brasileiros, ah os brasileiros, ficaram aguando!"

    Realmente, por essa eu não esperava.
    Isto aconteceu mesmo? Se for verídico, eu não me espanto com mais nada, nada mesmo.

    ResponderExcluir
  45. É Nathana com certeza o rapaz que fez o estudo que ta linkado no post está chateado com vc, porque vc nem leu o estudo dele... Eu não sou alcóolatra por isso me dou o direito de tomar moderadamente o que eu quiser na minha casa, fora dela já é outro papo.

    Ah outra coisa, eu não sou mentiroso, o que foi narrado aconteceu mesmo, eu vi, ninguém me contou...e achei lindo. Ninguém bêbado e total liberdade.

    ResponderExcluir
  46. Quem disse que eu não li? Mas assim como está baseado em uma única opinião de um conteúdo maior de beber moderamente, continuo com a mesma posição.
    Ah, ele fez o estudo? E daí, faz-se o estudo e qual é o comum? uns acham certo, outros discordam. Bom pra ele, agora se ele buscou discernimento, não se pode responder. E usufruindo do espaço democrático(eu acho!), ficou meio obscuro o estudo dele, apesar de deixar claro essa liberdade total.
    O que? fora da sua casa é outro papo? Por que? julgamento de cristãos e não-cristãos? O que? num bar a imagem não ficaria boa?
    Ah, e se ficou a sensação de que lhe chamei de mentiroso, exclua, pois não foi. Simplesmente fiquei espantada com a descrição, pois não sabia que isso acontecia. Lindo? Total liberdade? É isso que o evangelho "light" que criaram está fazendo: liberdade total. Meditar na palavra com um cachimbo na mão e um copo de whisky é lindo? No mínimo inaceitável. Se pro máximo de muitos é "diferente."

    ResponderExcluir
  47. Foi obscuro? em que ponto? Ta tudo claro com direito a tradução do grego, hebraico e tudo mais...

    Fora de casa é outra coisa porque não quero que o fracos pereçam... é apenas por misericórdia dos fracos, nada mais.

    ResponderExcluir
  48. Não dá pra explicar completamente a obscuridade. Teria que pôr todos os pontos. Mas como não adiantará de nada, eu resolvi apostar no "deixa pra lá". Arrggh! cansei!(nossa, nem rendeu tanto assim)...mas enfim, também há fracos que leem este post, não esqueça disso.
    E o seu título não foi tão "relacionado" com o desenvolvimento do texto: "Mais uma dose? É claro que eu to afim!..." se o texto defende a moderação, teria que ser "só um golinho" (risos?)

    Enfim, eu discordo de um modo geral. Agora, se o senhor acha correto, vá e beba seu vinho. ficar aguando pra quê né?

    ResponderExcluir
  49. P.S: Sabe quando você já sabe qual será o rumo da conversa? Isto é, absolutamente, NADA? Então! nenhum consenso, esquece-se o assunto.

    ResponderExcluir
  50. Bom, sobre se ficou obscuro, isto não quer dizer que ficou pra você ou pra outra pessoa. Eu não vou falar dos pontos no qual eu discordo no texto dele. Ele trata do assunto totalmente geral, com dados e tudo, mas falta clareza mesmo. Ainda que esteja nítida pra alguns pra mim, o texto não ficou tão claro, mesmo com a abundância de informações. Bom, é uma opinião minha, não estou generalizando.

    ResponderExcluir
  51. Tema bem polêmico! Mas ficou mto bom o texto! Abraços

    ResponderExcluir
  52. Quanta bobagem gente! Então com moderação podemos trair, podemos matar, podemos roubar, podemos cheirar, fumar....O evangelho do Filho de Deus vai além disso.TODAS AS COISA ME SAO LÍCITAS, MAS NEM TODAS ME CONVEM....TODAS AS COISAS ME SÃO LÍCITAS, MAS NEM TODAS ME EDIFICAM. Beber é uma delas que não me edificam EM NADA! CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ....

    ResponderExcluir
  53. "O Cristão é livre de tudo e de todos e a ninguém e nem a nada se escraviza! O cristão é servo de tudo e de todos por causa do amor de Cristo" (Martin Luther). Paulo disse. "Tudo me é lícito, mas nem tudo convém" A questão é, então, o amor, que deve dirigir de nossas vidas. Migues Bonino disse "Ama e fazes o que quiseres", aliás este é o título do livro dele. Um bom teólogo para se ler!

    ResponderExcluir
  54. Engraçado que as pessoas adoram citar um monte de textos bíblicos para justificar a sua posição. Mas penso que as pessoas esquecem que a bíblia é um contexto, ela deve ser entendida de capa a capa. Senão a gente pode ter embasamento pra qq coisa! Inclusive pra subsidiar esse legalismo sem fundamento que tem se instaurado nas igrejas atualmente. Um monte de irmãozinhos que se esquecem que a graça e o amor de Deus não dependem de nós. E aí passam a vida inteira tentando se justificar pelo que fazem ou deixam de fazer. Se gabando por "não fumar, não beber e não transar" como se fossem santos enquanto ou outros um beberrões pecadores...

    "Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei." (Gálatas 5:22,23)"

    Não depende de nós. Apenas da atuação do espírito em nossas vidas.

    e com ele atuando não há mal em beber um taça de vinho que for...já que eu tenho domínio próprio...

    minha humilde opinião Pr.!uehuh

    ResponderExcluir
  55. Três letras: UAU! Muito bom o texto de verdade, acompanho o blog mas ainda não tinha visto esta postagem.

    O que o pastor falou é claro: a questão é NÃO EMBRIAGAR-SE. De resto, cada um deve dar conta e não dar lugar à carne.
    Se a pessoa acha que bebendo estará dando brecha para a embriaguez e corre o risco de não parar, que não o faça. Se possui algo particular entre ela e Deus e acredita que deve negar este ato, que não o faça (mas não critique que o faz). Se a pessoa REALMENTE não vê problemas nisso, que respeite seu limite.

    Na dúvida, não.

    ResponderExcluir
  56. muito bom texto...

    é isso ae.

    grande abraço.

    ResponderExcluir
  57. Engraçado,luto para que minha mãe fique longe do alcool, e ela lê este blog...que frustração pastor com todo respeito pessoas fracasa ainda na fé leêm o seu blog.
    Sera que buscar as almas perdidas não seia um tema mais interessante? sera que este discurso iria salvar quantas almas em uma clinica de recuperação de dependentes quimicos?

    ResponderExcluir
  58. Engraçada é você Luana... apenas olhando pro seu próprio umbigo. é óbvio que dependentes quimicos não podem beber, sou conselheiro em dependencia quimica e como tal, devo reconhecer quem é predisposto e quem não é. O fraco não deve mesmo beber, mas e as milhares de pessoas perdidas pelo mundo que não entram numa igreja por conta da hipocrisia em torno da bebida, as desprezaremos. Sinto pela sua mãe, porém não retiro uma palavra desse post.

    ResponderExcluir
  59. Beber e coçar, é só começar...

    ResponderExcluir
  60. Beber e coçar... é só começar...

    ResponderExcluir
  61. Se eu quiser beber eu bebo, se eu quiser fumar eu fumo, gasto tudo que consumo com o suor de meu emprego...kkkkkkkkk
    Faça o que tu queres pois é tudo da lei....
    num to intendendu mais nada...a muito tempo isso era proibido pelo legalismo religioso.
    Hoje a gente nem consegue mais saber quem é crente ou não...antes...num bebo num fumo não uso droga e sexo é só pra procriação...hj..bebo, fumo dou uma cheiradinha afinal é só com moderação...cobiço a mulherada ou a rapaziada..sem problemas e dou Glória a Deus...vai nessa amigo...analise-se o homem a si mesmo...porque Deus fará a separação entre os que servem e os que não servem ...
    no mais
    só na benção

    ResponderExcluir
  62. Na vida temos que ter moderação para tudo, comer, beber, dormir, trabalhar, etc.
    Pr. Marcio, talvez fosse interessante fazer um post direcionado para as pessoas viciadas em bebidas, comidas, doces ou são workaholics.

    ResponderExcluir
  63. ...Mais uma dose? é claro que eu to afim...essa frase do começo do post já diz tudo!E muitos que estão presos ao vicio hoje já tiveram essa experiencia do mais uma dose,eu consigo, eu sou forte não vou me embriagar! Pastor é um absurdo o que vc escreveu principalmente para aqueles que já foram viciados e sofreram com este mal.E aqueles que estão ainda no vicio sem Deus,que ainda não tem Jesus em suas vidas então!Leem este post,ah o pastor disse que pode beber...mas com moderação!Então continuo bebendo e se eu quiser então aceito Jesus mais tarde não preciso renunciar nada mesmo...Que diferença nós cristãos fazemos neste mundo corrompido?Vamos praticar as mesmas coisas que eles fazem e vamos dizer a eles que somos fortes e não nos embriagamos porque somos controlados?Somos os "SUPER CRISTÃOS" agora...Não aceito essa ideia de que vinho, cerveja ou qualquer outra bebida alcoolica seja um instrumento de celebração não!Não é bebida que vai me dar prazer e alegria em uma festa não, mas a diferença de ter Jesus em minha vida e poder falar disso aos que estão ao meu redor, sem ficar alterada ou alegrinha!Preciso ser luz, fazer diferença no meio das trevas.Paulo disse em Romanos 12 vs. 2 "Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente,para que experimenteis qual seja a boa, perfeita, vontade de Deus.Eu não posso me conformar com este mundo! A bebida é um instrumento de satanás na vida das pessoas...familias estão sendo destruidas por causa dela, jovens perdem a vida em festas, acidentes de carro, brigas...muitos cometem suicidio e por ai vai.Como posso aceitar que bebida alcoolica seja ela qual for é boa? É benção algo que se torna maldição na vida do meu próximo?Com moderação né pastor? Ah eu consigo, vc consegue alguns que gostam de tomar umas também conseguem então tá tudo certo!Vou beber em casa assim ninguem fica sabendo e se eu encontrar alguem que tá sofrendo com isso, vou dizer-lhe que tem que se controlar eu bebo mas sou moderado e vc tem que ser também Deus vai te ajudar porque Jesus bebia em festas e não ficava embriagado!que absurdo! Somos livres e quem não consegue se controlar que se vire não beba então!Me desculpe mas isso é olhar para o seu próprio umbigo!
    Me perdoe mas não gostei

    ResponderExcluir
  64. Ainda não havia lido nada tão verdadeiro e honesto sobre o vinho até então 21/08/2010.

    Embora Assembleiano futebol clube, acho uma baboseira simplória o estudo contido na BEP (com todo o respeito e admiração que tenho por Donald Stamps e Antonio Gilberto), assim como as notas a respeito das passagens que versam sobre o vinho.

    É importante que saibamos diferenciar o permitido do inconveniente. A palavra de Deus é manual de comportamento não de regras proibitivas das épocas medievais.

    não concordo com a proibição do beber vinho ou qualquer outra bebida, mas, por inconveniência do local ou das companhias, sou da opinião que não se deva fazer uso de tais bebidas para evitar a falácias dos profetas do inferno

    Marco Aurélio dos Santos
    Diácono da Assembléia de Deus
    marcoaurelio_adv@hotmail.com

    ResponderExcluir
  65. Meu Deus, que comentário acertado!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Daqui pra frente só posta quem se identificar, os anônimos serão moderados. Quem quiser expressar opinião tem que bancar e mostrar a cara. Outra coisa, você tem o direito de se expressar, mas se houver agressão, o comentário será deletado.